O que fazer em Las Vegas

Postado por:

Na nossa última viagem tivemos a oportunidade de conhecer Las Vegas e nesse post vou dar várias dicas sobre o que fazer em Las Vegas e mostrar fotos legais que tiramos também.

Praticamente toda a área turística da cidade concentra-se na Las Vegas Strip, uma enorme avenida onde ficam os cassinos e resorts mais famosos, shopping centers e restaurantes.

o que fazer em las vegas

Vale a pena hospedar-se nesta área da cidade para não precisar usar nenhum meio de transporte, desta forma é possível conhecer quase todos os pontos turísticos caminhando. No nosso caso optamos pelo Rita Suites, que são flats situados um pouco longe da Strip, mas que possuem cozinha. Eu sempre sinto muita dificuldade para me alimentar bem nos Estados Unidos, pois os americanos comem muita besteira. Por isso, há algum tempo faço questão de ficar em algum hotel que tenha cozinha, assim eu posso comprar comidinhas mais saudáveis no Wal Mart e garantir pelo menos um café da manhã mais completo.

o que fazer em Las Vegas

Achei o Rita Suites muito bom, os apartamentos são muito confortáveis e muito amplos (tinha até um closet, amei). A higiene também era impecável e não tenho nada a reclamar sobre o atendimento. A diária é um pouco mais barata do que as diárias dos hotéis da Strip. Dava uns 10 minutos de caminhada até chegar na área turística mas para quem precisa de uma cozinha, como eu, vale a pena.

o que fazer em Las Vegas

A avenida Las Vegas Strip é extremamente grandiosa e luxuosa. O legal é sair caminhando e entrando nos resorts/cassinos, que são todos abertos a público. Todos os cassinos possuem suas próprias atrações, sendo que a maioria delas são pagas. Vale a pena dar uma olhada nos folhetos turísticos que são distribuídos na rua e escolher as atrações que mais se encaixem no seu perfil. Tem uma infinidade de shows, parques, zoológicos, restaurantes e festas.

Avenida Las Vegas Strip

Vou falar um pouquinho sobre algumas atrações que considero imperdíveis na cidade. Decidi dividir em duas partes: atrações pagas, que irei falar neste post, e atrações gratuitas, que irei falar no próximo.

O que fazer em Las Vegas – atrações pagas

Existem muitas opções de boates, escolhi a Hakkassan para conhecer. A casa é muito luxuosa, com muitos telões, efeitos de iluminação, etc. O preço da entrada era razoável mas o preço das bebidas lá dentro acaba ficando extremamente caro para nós, brasileiros. Exemplo: uma garrafa de Heineken custava 10 dólares. Ou seja, se pretende beber mas não quer gastar rios de dinheiro compre cervejas ou vodka nas farmácias Walgreens  e beba no caminho, antes de chegar.  😆

o que fazer em Las Vegas The One

The One – Cirque du Soleil

Uma das coisas mais legais de Las Vegas são os espetáculos, embora caros são imperdíveis. Assisti dois shows do Cirque do Soleil (o The One, que é sobre o popstar Michael Jackson, e o Zumanity, que é estilo cabaré) e fiquei maravilhada com ambos, não dá pra escolher um. Tinha mais dois espetáculos do Cirque se apresentando e se pudesse iria nesses outros também.

o que fazer em Las Vegas Zumanity

Zumanity – Cirque du Soleil

Sempre rola na cidade shows de vários artistas como Britney Spears, Jennifer Lopez, Celine Dion, entre muitos outros. Além disso, tem também shows de grandes mágicos, como David Copperfield e Criss Angel.

o que fazer em Las Vegas The One Cirque du Soleil Michael Jackson Meu Pecado Predileto

The One – Cirque du Soleil

Se você ama parques de diversões como eu precisa ir na montanha russa do New York New York, um resort que possui réplicas dos mais famosos pontos turísticos de Nova York. Mas, voltando a montanha russa, ela é muito alta, atinge uma velocidade impressionante, a primeira descida é quase em que da livre e o melhor: em alguns momentos você tem uma vista muito privilegiada de Las Vegas.

o que fazer em Las Vegas New York New York

New York, New York

Se você gosta de observar animais, vale a pena conhecer o Siegfried and Roy’s Secret Garden and Dolphin Habitat, que fica no The Mirage. Trata-se de um zoológico que possui várias espécies de tigres (algumas bem raras e em ameaça de extinção) e também um tanque de golfinhos, onde é possível tocá-los.

o que fazer em Las Vegas Siegfriend and Roy

Siegfried and Roy’s Secret Garden and Dolphin Habitat

A cidade possui ainda uma infinidade de restaurantes, mas neste ponto eu não sou a melhor pessoa a opinar, pois não sou uma grande fã da gastronomia.  😆 Do que me lembro, o restaurante mais legal que fomos foi o Bubba Gump, especializado em camarões, que é o restaurante do filme Forrest Gump.

o que fazer em Las Vegas cassino

Bom além disso, que me lembro agora, também considero imperdível ir conhecer o Grand Canyon, que fica um pouco longe da cidade, mas vale muito a pena. Vou falar tudo sobre esse passeio em outro post, para este não ficar longo demais.

o que fazer em Las Vegas Grand Canyon Meu Pecado Predileto

Grand Canyon

Concluindo

Conhecer Las Vegas é maravilhoso e eu recomendo com certeza. Considero a segunda viagem mais legal que já fiz (ainda não desapeguei de Orlando).  😆

Embora a passagem aérea e a hospedagem sejam caras, além desses passeios que citei, a cidade oferece muitas atrações gratuitas e econômicas também. Ou seja, tirando os gastos prévios, é possível se divertir vários dias na cidade gastando pouco.

No próximo post irei dar algumas dicas de passeios econômicos.

Beijos,

Rafa

Trilha no Parque Nacional Serra dos Órgãos, em Teresópolis, RJ

Postado por:

Na semana passada estive em Teresópolis (região serrana do Rio) a convite de uns amigos para conhecer o Parque Nacional Serra dos Órgãos. Passei um dia lá e gostei muito.

Parque Nacional Serra dos Órgãos Teresópolis

O parque é uma unidade de conservação criada em 1939 composta por uma área de vinte mil hectares que abrange os municípios de Teresópolis, Petrópolis, Magé e Mirim.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

Além das paisagens maravilhosas, o parque possui várias opções de lazer, como cachoeiras, piscinas naturais, trilhas e áreas para piquenique.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

O horário de visitação é das 8 às 17h e a entrada custa em torno de 15 reais.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

Visitamos o parque em um domingo e foi bem fácil de achar o lugar e estacionar. Andamos um pouco e já encontramos uma cachoeira muito linda, onde passamos boa parte do dia. Estava fazendo muito sol, mas a própria vegetação faz muita sombra e a água do rio é bem gelada.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

No PARNASO existem algumas lanchonetes e lojinhas, mas caso a sua intenção seja curtir as cachoeiras ou fazer trilhas, é recomendável que leve uns lanchinhos e água, pois no meio da mata obviamente não tem nada pra comprar. Ah, repelentes, protetor solar e uma canga também são bem-vindos.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

Depois de algumas horas aproveitando a cachoeira decidimos fazer uma trilha. Como já era meio tarde, em torno de 15 hrs, optamos por uma trilha mais curta, a Trilha Mozart Catão.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

O parque possui 6 opções de trilhas, e é legal que na entrada é distribuído um panfleto com informações sobre a extensão, grau de dificuldade e duração de cada uma delas.

Parque Nacional Serra dos Órgãos

A Trilha Mozart Catão possui dificuldade moderada e dura em torno de 40 min. No início tinha umas subidas maio cansativas (ou eu estava preguiçosa, não sei, haha), mas depois o terreno fica plano e torna-se bem mais agradável. No final, existe um mirante muito legal de onde é possível observar tofa a cidade de Teresópolis (que, por sinal, é muito maior do que eu pensava).

Parque Nacional Serra dos Órgãos

O parque é gigantesco e com certeza ainda vai render muitas visitas. Fiquei com muita vontade de ir numa piscina natural enorme que tem bem na entrada, mas ela estava em manutenção. Além de várias outras trilhas muito interessantes. Bom, com certeza não irão faltar motivos para que eu retorne. Se você é apaixonado pela natureza como eu, vai amar com certeza.

Beijos,

Rafa

Onde fazer compras em Orlando

Postado por:

Olá, pessoal! Continuando a série de posts sobre Orlando, hoje vou dar algumas dicas para quem quer fazer compras em Orlando.

Tirar um dia de compras além de ser uma delícia é essencial, pois acaba sendo um momento que você aproveita pra conhecer mais a cidade e também descansar um pouquinho. Acredite, depois de uns três dias se divertindo muito e sendo chacoalhado nos parques você vai começar a sentir um certo cansaço.

compras em Orlando Animal Kingdom Disney Meu Pecado Predileto

Animal Kingdom

Assim, sugiro que você se programe para um dia de compras entre dias de parques até para se recuperar. Além disso, mesmo com a alta do dólar ainda é possível fazer compras excelentes a preços muito interessantes.

compras em Orlando Florida Disney's Hollywood Studios

Hollywood Tower, no Disney’s Hollywood Studios

Compras em Orlando

O Wal Mart, ele é parada obrigatória pra todo mundo. Sério, nunca pensei que fosse enlouquecer dentro de um supermercado, haha! Primeiro, se você quer comprar camisetas da Disney mais em conta, lá você encontra as mesmas opções dos parques, porém custando 1/3 do preço. Tipo, no parque uma t-shirt do Mickey custava 30 dólares, e no mercado 10 dólares. Claro que eu não tive maturidade e comprei muitas. Haha! Bonés, orelhas e acessórios também é possível encontrar aos montes e bem baratinhos.

compras em Orlando Florida Animal Kingdom Finding Nemo Meu Pecado Predileto

Show Procurando Nemo no Animal Kingdom

Outra coisa que me fez perder a pouca sanidade que ainda restava foi a sessão de produtos de beleza. Imagine uma prateleira de mercado com todas as linhas da marca John Frieda, com cada produto custando 5 dólares. Ou estantes da Maybelline com o batom SuperStay 24h custando 3 dólares (sendo que aqui custa mais de 50 reais). Enfim, os melhores produtos de beleza a preço de banana.

compras em Orlando Florida Animal Kingdom

Animal Kingdom

Para quem quer comprar roupas de marca, vale uma visita ao shopping Outlet Premium. Lá tem muitas lojas maravilhosas e mesmo com o dólar em alta conseguimos comprar algumas coisas a um preço bem bacana. Comprei blusinhas fofas da Guess por 10 dólares, blusas pólo da Tommy Hilfiger por 12 dólares e várias outras peças de roupas de grife a preços ótimos.

compras em Orlando Florida Universal Studios Meu Pecado Predileto

Universal Studios

O melhor lugar para comprar lembrancinhas da Disney é nas lojas de presentes que tem nas ruas. É possível encontrar os mesmos souvenirs dos parques com preços menores.

Para acessar o post com dicas para quem vai viajar para Orlando, clique aqui.

Beijos,

Rafa

Dicas para quem vai viajar para Orlando

Postado por:

Olá, pessoal! Recentemente viajamos a Orlando e eu decidi compartilhar com vocês aqui no blog todas as nossas aventuras por lá. Como são muitas fotos, eu vou dividir o roteiro da viagem em vários posts, separando pelos parques que visitamos. Dessa forma, vou conseguir mostrar bastante coisa legal e dar muitas dicas e a nossa opinião sobre vários passeios.

dicas para quem vai viajar para Orlando Magic Kingdom orelhas de Minnie

De orelhinhas no Magic Kingdom

Quais são os melhores parques de Orlando?

Em Orlando existem cinco parques da Disney, que são o Magic Kingdom, o Animal Kingdom, o Hollywood Studios e o Epcot, além de dois parques aquáticos: o Blizzard Beach e o Typhoon Lagoon.

Existem também parques da Universal, que são o Universal Studios e o Islands of Adventure, que apesar de enormes oferecem transporte entre eles (inclusive num trem muito doido do Harry Potter) e, com muita organização e disposição, até dá pra conhecer em apenas um dia.

dicas para quem vai viajar para Orlando Magic Kingdom orelhas de Mickey

De orelhinhas no Magic Kingdom

Além desses, existem mais alguns parques temáticos muito famosos, como o Sea World, que têm aquelas apresentações incríveis com animais marinhos, o Bush Gardens, com muitas montanhas russas, o Discovery Cove, pra quem quer nadar com golfinhos… acho que esses são alguns dos mais importantes.

dicas para quem vai viajar para Orlando Universal Studios

Universal Studios

Orlando: uma cidade organizada e tranquila

Orlando vive em função dos parques e percebe-se que quem não é turista trabalha nos parques, nos shoppings centers ou nos restaurantes. A cidade é extremamente organizada, com avenidas enormes e tudo funciona maravilhosamente bem. Não sei se na alta temporada a cidade fica menos tranquila, mas quando fomos os parques estavam bem cheios, e mesmo assim não havia maiores dificuldades. Chegando cedo nos parques e com os roteiros já organizados dava pra brincar, comer, passear e comprar sem nenhum tipo de stress.

dicas para quem vai viajar para Orlando Universal Studios The Simpsons

Com The Simpsons no Universal Studios

Dicas para quem quer economizar

Normalmente, a opção mais em conta é comprar pacotes de ingressos para os parques. Separe no mínimo um dia por parque. Além disso, é interessante se programar para fazer dias de compras entre um parque e outro, pois é uma viagem extremamente cansativa. Depois de uns três dias andando o dia inteiro e sendo chacoalhado em mil brinquedos, você pode tirar um dia para visitar os outlets, tendo assim uma programação mais tranquila e se preparando para novas aventuras no dia seguinte.

dicas para quem vai viajar para Orlando Sea World One Ocean Shamu

One Ocean, o famoso show da baleia Shamu, no Sea World

Outra dica para quem vai viajar com o dólar em alta e quer economizar é levar sua própria comida pros parques. De noite nós íamos ao Wal Mart e comprávamos água, pipoca, biscoitos e snacks a um preço super justo pra levar no dia seguinte. Dentro dos parques um pacote de pipoca estava custando 8 dólares, por exemplo, então fazendo isso conseguimos economizar uma boa grana. A única refeição comprada dentro dos complexos era o almoço, que pagamos em torno de 25 dólares (o total de dois lanches para o casal).

dicas para quem vai viajar para Orlando Magic Kingdom

Magic Kingdom

Para não perder tempo com filas

As primeiras dicas para não pegar muita fila é chegar cedo, com o roteiro pronto e curtir as atrações no sentido anti-horário.

Nos parques da Disney dá pra comprar na entrada uma pulseira especial que garante entrada preferencial nos brinquedos, sem quase nenhuma demora. Esse serviço custa em torno de 80 dólares. Outra opção é utilizar o Fastpass, um aplicativo onde você consegue agendar o seu horário em até três atrações dos complexos.

dicas para quem vai viajar para Orlando Universal Studios Transformers

Fazendo pose com Transformer no Universal Studios

Já nos parques da Universal existe o single rider, que é uma fila especial para quem está sozinho. É uma excelente opção para quem não está com crianças, pois essa fila é muito menor do que as demais e eles vão “encaixando” as pessoas nos lugares vagos. Eu e Erick usamos muito essa opção, já que nos brinquedos você quase não conversa mesmo e, de qualquer forma, você acaba ficando bem próximo da outra pessoa.

dicas para quem vai viajar para Orlando Sea World

Montanha russa maravilhosa do Sea World

O que vestir nos parques em Orlando

Vá do jeito que você quiser, contanto que seja uma roupa confortável e de acordo com a temperatura. Eu vi meninas até de vestido e acho que dá pra usar vestido sim, pois os brinquedos têm aquele cinto de segurança que não deixam a saia voar.

Acho muito importante ir de tênis, pois é um dia inteiro de caminhadas.

E, que sou muito friorenta, usava um moletom e uma calça confortável de manhã e de tarde trocava por um short que levava na mochila. Deu super certo.

dicas para quem vai viajar para Orlando Magic Kingdom

Electrical Parade a parada noturna do Magic Kingdom

Se eu for viajar para Orlando, preciso mesmo alugar um carro?

Olha, nós achamos que sim. Não fica muito caro e nada como ter liberdade de ir e vir o tempo todo sem depender de transporte público. Além disso, usando o aplicativo Waze não tivemos dificuldade alguma, até porque as ruas de Orlando são extremamente organizadas e simples de entender.

Conclusão

Bom, é isso! Espero ter ajudado com essas dicas pra quem vai viajar para Orlando. Conheço um site ótimo que também tem muita informações interessantes, o Vai pra Disney. Em breve farei mais posts sobre cada um dos parques que visitamos. Se você tiver alguma dúvida, pode me enviar um e-mail que eu respondo. (Confesso que depois que passa um tempo eu acabo esquecendo de responder os comentários aqui no blog, haha).

Beijos,

Rafa